segunda-feira, 16 de março de 2015

Viagem..

Bagagem pronta.

Agora não dá mais pra fugir do que o destino quer de mim.

Dou uma última olhada. Parece que há uma longa estrada a seguir.

Joguei tua última foto fora. Tranquei a porta, deixei a chave debaixo do tapete, caso você a queira de volta.

E o último bilhete ficou ali, grudado no espelho da sala. Talvez você o veja se não se distrair.

Dê um jeito na casa, dê uma repaginada. Faça o que quiser daqui pra frente.

Meu caminho é outro. O olhar pro horizonte é fresco e novo.

Puxo pra dentro dos pulmões esse ar de liberdade. Esse ar de calmaria plena.

Vale a pena. Tudo vale a pena quando a alma e a coragem não é pequena.

Quando a vontade de estar a plenos pulmões, locomove o coração o tempo todo.

Feito amor que o alimenta.


Sil Guidorizzi..







Nenhum comentário:

Postar um comentário