quarta-feira, 13 de julho de 2016

Eu sei..

Eu sei o que é seu. Sei o que é meu. Sei das esquinas, das palavras não ditas. Do peso sendo esvaziado dos ombros. 
Sei da cor que melhor me veste. O que me despe. O que devo plantar em meu jardim. Eu sei da sensação do amor envolvendo a pele. Dos abraços ternos. Do tempo sem pressa de acabar. Sei de cada parte tua. Do que juntei. De onde (re)comecei.
Eu sei. Não se preocupe. Agora eu sei o que fazer de mim.




Nenhum comentário:

Postar um comentário