quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Alguns amores..

Alguns amores são como terras indivisíveis,
como pedaços de chão que se fincam.
O coração se prende, cria raiz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário