domingo, 21 de agosto de 2016

Estou a fim de afeto..

Estou a fim de afeto. Estou a fim de ser autêntica. Sou aquilo que demonstro.
Não tenho mais tempo pra ficar procurando pelo em ovo.
Não estou mais atrás de saber quem anda com a razão.
Estou a fim de cuidar da própria vida, cuidar da saúde, do olhar.
Estou a fim de me alimentar do lenitivo que recebo através dos anjos de luz. E eu creio neles. 
Creio em cada água que recebo fluidificada, em cada sensação da presença de benfeitores amigos em minha casa. .
Ofereço amizade sincera a quem merecer. Não sou nenhum bicho de sete cabeças. Não venho com manual de instrução.
Sou mais criança ainda quando o sentimento vem em forma de identificação com a alma.. Não estou pedindo nada.
Só quero silêncios, sensibilidade, viver de pequenas euforias.
Agressões morais não servem. Olhar de quem se acha, passo longe. 
Quero estar perto, dentro. Já deixo avisado que nem sempre acerto. Tenho um coração errante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário