terça-feira, 1 de novembro de 2016

Eu o vejo nas esquinas..

Eu o vejo nas esquinas. Nas linhas da vida
Onde o coração não conseguiu esquecer.
Eu o sinto como se fosse hoje.
Perfume raro. Bom de viver.
Sil Guidorizzi..

Nenhum comentário:

Postar um comentário