quinta-feira, 4 de maio de 2017

Só eu sei..

Só eu sei as coisas que sinto. As coisas que com o coração partido tive que deixar ir.
Só eu sei como doeu romper com aquilo que me segurava que me transbordava e preenchia cada lacuna do coração.
Só eu sei o que ninguém imagina o que ninguém vê e como no caos de alguns dias aprendi a sobreviver.
Mesmo assim não faço alarde.
Só peço luz e proteção ao meu bom Deus.
Sigo com humildade, sigo relevando algumas coisas e pertencendo a outras.
Alguns dias foram intermináveis e cheios de tudo que parecia levitar a alma.
Era como se tudo se resumisse no habitar do olhar mais macio e profundo, no que a vida trouxe sem forçar.
No que se juntou feito peça do destino.
Só eu sei como por vezes dói à falta que o oposto faz.
Sil Guidorizzi.. <3

Nenhum comentário:

Postar um comentário