quinta-feira, 23 de julho de 2015

O dentro transborda..



O dentro transborda.
O silêncio suporta.
A vida segue.
Ninguem nos carrega.
E a gente quer.
Tenta
Dispara o coração
Vive o amor.
Colhe flor.
Beija borboleta.
Sente paz, sente dor.
Isola-se.
Abre uma nova página.
Empresta a alma.
Coloca um novo capítulo.
Não desiste.
Segue rascunhando ou passando a limpo.
Na introspecção de quem ainda
não terminou,



Nenhum comentário:

Postar um comentário