quinta-feira, 10 de março de 2016

Lamentos não nos transformam..

Quando as coisas vão acontecendo e a gente vai percebendo que nada mais era como antes, é preciso dar um novo sentido dentro da gente. É como tentar uma maneira de sentir um outro prazer em viver. Quando as coisas saem do eixo, do prumo, a vida balança. O coração fica um pouco na corda bamba. 
Nada que uma boa dose de coragem pra encarar os desafios da vida não resolva. E a gente se instala num novo ambiente. Aquarela novos quadros. Pinta as paredes de um outro tom..Ouve o que tiver vontade sem pensar tanto na saudade que um dia penetrou e vazou pelos poros. Tudo é permitido desde que se queira de um jeito bom e bonito.
Pra que pensar no ruim, no frio, no vazio. Pra que se esconder. O melhor de tudo é saber que Deus nos concede sempre um novo dia. E a gente tem mais é que tentar se ajeitar. Seja em outro abraço, seja dentro de um outro sorriso. Seja somente por nós mesmos.
E o tempo vai nos acolhendo. E vamos nos (re)colhendo quando o sol se deita, quando a lua nos abraça. Quando pensamos nas estrelas que ainda enfeitam o nosso céu.
Pra que mais. Pra que chorar pelo leite derramado. Pra que sofrer. Bora enfeitar a alma com a alegria que merecemos. Com a paz que almejamos. Perdendo ou ganhando, vencedores já somos. Somos o que fizemos de nós. Lamentos não nos transformam. O bom é fazer acontecer..

Nenhum comentário:

Postar um comentário