domingo, 28 de agosto de 2016

Um dia..

Um dia te jurei amor eterno. E de tão terno, guardei e coloquei na estante da alma.
Ainda te amo. Ainda tenho a sensação de que vou esbarrar com você numa dessas esquinas da vida.
Pode passar o tempo que for. 
Almas quando se (re)encontram não fogem do seu destino. Deus abre caminho, manda notícias.
Um dia eu te quis. Quis tanto que cheguei a quase morrer de amor.
Não morri. A pele ainda arrepia com sua lembrança. O coração parece saltar pela boca. 
Te espero..Ainda permaneço aqui..
Sil Guidorizzi


Nenhum comentário:

Postar um comentário