quinta-feira, 20 de outubro de 2016

Não sei viver na superfície..

Não sei viver na superfície.
O coração gosta do que aprofunda.
Do que o faz viajar pra outras esferas.
O coração gosta do que não o apavora.
Gosta do que o provoca.
Gosta do que delicia os sentidos, junto do sentir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário